Notícia

Protesto por Justiça após enterro de bebê em Bom Jesus do Norte

A família acusa um homem de ter estuprado a criança, que faleceu na tarde desta sexta-feira (11)

Thalyssa chegou a ficar internada na UTI do Hospital Infantil
Thalyssa chegou a ficar internada na UTI do Hospital Infantil
Foto: Arquivo Pessoal

Familiares da menina Thalyssa Nunes da Silva, de um ano e quatro meses, protestaram em Bom Jesus do Norte, no Sul do Estado, na manhã desta sábado (12). A família acusa um homem de ter estuprado a criança, que faleceu na tarde desta sexta-feira (11), no Hospital Infantil São Francisco de Assis, em Cachoeiro de Itapemirim.

A manifestação aconteceu após o enterro da menina, em cemitério municipal. Com cartazes, eles percorreram ruas do centro da cidade com palavras de pedido de Justiça no caso da investigação da jovem.

A mãe de Thalyssa Nunes da Silva contou para a Polícia Militar que a criança ficou quatro meses sob os cuidados da avó paterna, mas que, nas últimas semanas, a menina apresentou problemas de saúde e então voltou a ser cuidada pela mãe. Ao retirar a fralda de Thalyssa, a mulher percebeu que havia lesões na região genital e passou a acusar um conhecido da avó paterna como autor.

O homem acusado pela mãe de ter estuprado a menina prestou depoimento e foi liberado. O caso vai ser investigado pela Polícia Civil.

Ver comentários